notícias

  • Mart'nália mistura tudo em seu novo show

    20/11/2017

    Mart'nália apresenta nesta segunda-feira (20), Dia da Consciência Negra, às 18 horas, no Sesc Parque D. Pedro II, em São Paulo, o show da turnê do seu 11º disco, "+ Misturado", que aposta na sua personalidade artística plural.

    O show conta com sucessos da carreira de Mart'nália e do repertório do novo disco, que vem com releituras de canções de compositores fundamentais na formação musical da artista: "Ninguém conhece ninguém" (Martinho da Vila, música gravada em 1976) ,"Estrela" (Gilberto Gil), "Tempo de Estio" (Caetano Veloso), "Linha do Equador" (Djavan/Caetano Veloso), o medley das clássicas "Ela disse-me assim"/"Loucura" de Lupicínio Rodrigues e "Si tu pars" de (Lokua Kanza).

    No repertório de inéditas estão canções como "Se você disser adeus" (Geraldo Azevedo e Capinan, canção feita para Mart'nália), "Melhor para você" (Tom Karabachian/Cris Sauma) e "Tomara", parceria de Mart'nália e Mombaça, entre outras.

    Mart'nália samba desde que nasceu. Acompanhava o pai, Martinho da Vila, às rodas de Vila Isabel ainda muito pequena e foi assim que se apaixonou pela música. Foi lá que aprendeu a sambar, cantar, tocar violão e pandeiro.

    O pai coruja, um dos maiores nomes da música popular brasileira, não poupa elogios à filha:

    "A “Sonora Mart’nália”, como algumas pessoas se referem a ela, é musicista, cantora e compositora e está entre as artistas mais completas que eu conheço.

    Que cantora!… O seu canto é doce, negro, suingado e o seu timbre é especial.

    Tem corpo de dança para qualquer ritmo e gosta de dançar,toca violão e é percussionista de quase todos os instrumentos de ritmo."


    Segundo Clichê
  • Mart´nália no G1

    20/11/2017

    A cantora Mart´nália faz show gratuito no feriado do dia da consciência negra. A artista, em trinta anos de carreira, lançou nove discos, três DVDs e gravou parcerias com grandes nomes da MPB. “+ Misturado” é seu álbum mais recente, em trabalho que tem canções de Geraldo Azevedo, Gilberto Gil e LokuaKanza. “Ninguém Conhece Ninguém” (Martinho da Vila), “Se Você Disser Adeus” (Geraldo Azevedo) e “Libertar” (Mart´nália, Arthur Maia, Zélia Duncan e Ronaldo Barcellos) são três músicas de destaque no repertório da apresentação. O local recebe também cortejo e apresentação do bloco Afro Ilú Oba de Min.


    G1
  • Show gratuito de Mart'nália inaugura palco do SESC Parque D. Pedro II no feriado do dia 20

    14/11/2017

    No dia 20 de novembro, quinta-feira, a partir das 18 horas, feriado da Consciência Negra em São Paulo, Mart’nália, uma das maiores sambistas do Brasil, faz show de graça e inaugura o palco do Sesc Parque Dom Pedro II, instalado em amplo terreno de 9 mil m2 na região do centro histórico da cidade, entre o Mercadão, a zona cerealista e o Catavento. Com instalações novas e equipadas, o espaço - doado pela Prefeitura de São Paulo - abriga a mais nova unidade do SESC.

    "O show será com musicas conhecidas para todos ficarem felizes…. e eu também", adianta, simpática, a artista. De certo, o público pode contar com Cabide e Pra que Chorar. "Também não posso deixar de cantar Valeu Zumbi", diz. Sobre inaugurar o palco concha do Sesc Parque Dom Pedro II, para um público diverso, Mat'nália não esconde a entusiasmo. "A sensação é maravilhosa porque meu show se chama + Misturado e eu me sinto assim. Meu publico tem criança, velho, adolescente, tudo misturado mesmo. Estou muito feliz!".

    Mart’nália possui mais de 30 anos de carreira, nove discos lançados, três DVD's e diversas parcerias com grandes nomes da MPB, a artista vivenciou o samba desde a infância. O show terá como base seu mais novo álbum, + Misturado. O nome é uma homenagem às muitas misturas que a artista fez em sua trajetória. Nele, a carioca põe a voz rouca e suingada a serviço de sambas, partidos altos e canções de levada africana, escritas por nomes como Geraldo Azevedo, Gilberto Gil e o congolês Lokua Kanza. Destaques para as faixas: Ninguém conhece ninguém (Martinho da Vila), Se Você Disser Adeus (Geraldo Azevedo) e Libertar (Mart’nália/ Arthur Maia / Zélia Duncan / Ronaldo Barcellos).

    Dia 20 de novembro, segunda, das 18 às 19h30. No palco. Livre. Grátis - Sem retirada de ingressos.

    Sesc Pq. Dom Pedro II – Praça São Vito, s/nº, Brás. Tel.: (11) 3311-9651. Horário de funcionamento de quarta a domingo das 10 às 18 horas. Atividades para toda a família, de quarta a domingo e feriados, das 10 às 18 horas. Todas as atividades são livres e gratuitas.


    Cartão de Visita
  • Mart´nália

    13/11/2017

    A cantora Mart´nália faz show gratuito no feriado do dia da consciência negra. A artista, em trinta anos de carreira, lançou nove discos, três DVDs e gravou parcerias com grandes nomes da MPB. “+ Misturado” é seu álbum mais recente, em trabalho que tem canções de Geraldo Azevedo, Gilberto Gil e LokuaKanza.

    “Ninguém Conhece Ninguém” (Martinho da Vila), “Se Você Disser Adeus” (Geraldo Azevedo) e “Libertar” (Mart´nália, Arthur Maia, Zélia Duncan e Ronaldo Barcellos) são três músicas de destaque no repertório da apresentação. O local recebe também cortejo e apresentação do bloco Afro Ilú Oba de Min.


    Instituto Pinheiro
  • Feriado da Consciência Negra – 20/11: Show de Mart’nália inaugura palco concha do novo Sesc Parque Dom Pedro II e Rincon Sapiência leva seu rap ao Sesc Itaquera

    13/11/2017

    No dia 20 de novembro, quinta-feira, a partir das 18 horas, feriado da Consciência Negra em São Paulo, Mart’nália, uma das maiores sambistas do Brasil, faz show de graça e inaugura o palco do Sesc Parque Dom Pedro II, instalado em amplo terreno de 9 mil m2 na região do centro histórico da cidade, entre o Mercadão, a zona cerealista e o Catavento. Com instalações novas e equipadas, o espaço – doado pela Prefeitura de São Paulo – abriga a mais nova unidade do SESC.

    “O show será com musicas conhecidas para todos ficarem felizes…. e eu também”, adianta, simpática, a artista. De certo, o público pode contar com Cabide e Pra que Chorar. “Também não posso deixar de cantar Valeu Zumbi”, diz. Sobre inaugurar o palco concha do Sesc Parque Dom Pedro II, para um público diverso, Mat’nália não esconde a entusiasmo. “A sensação é maravilhosa porque meu show se chama + Misturado e eu me sinto assim. Meu publico tem criança, velho, adolescente, tudo misturado mesmo. Estou muito feliz!”.

    Mart’nália possui mais de 30 anos de carreira, nove discos lançados, três DVD’s e diversas parcerias com grandes nomes da MPB, a artista vivenciou o samba desde a infância. O show terá como base seu mais novo álbum, + Misturado. O nome é uma homenagem às muitas misturas que a artista fez em sua trajetória. Nele, a carioca põe a voz rouca e suingada a serviço de sambas, partidos altos e canções de levada africana, escritas por nomes como Geraldo Azevedo, Gilberto Gil e o congolês Lokua Kanza. Destaques para as faixas: Ninguém conhece ninguém (Martinho da Vila), Se Você Disser Adeus (Geraldo Azevedo) e Libertar (Mart’nália/ Arthur Maia / Zélia Duncan / Ronaldo Barcellos).


    Dica de Teatro
  • Mart'nália (Sesc Parque D. Pedro II) e Rincon Sapiência (Sesc Itaquera) fazem shows no Dia da Consciência Negra em SP

    11/11/2017

    O dia 20 de novembro, feriado da Consciência Negra em São Paulo terá show grátis de Mart’nália, uma das maiores sambistas do Brasil, no Sesc Parque Dom Pedro II, a partir das 18 horas no palco da unidade no Centro. Com mais de trinta anos de carreira, nove discos lançados, três DVD's e diversas parcerias com grandes nomes da MPB, a artista vivenciou o samba desde cedo.

    Com oito canções inéditas e seis regravações, + Misturado é o nome do novo álbum de Mart’nália, uma homenagem às muitas misturas que a artista fez em sua trajetória. Nele, a carioca põe a voz rouca e suingada a serviço de sambas, partidos altos e canções de levada africana, escritas por nomes como Geraldo Azevedo, Gilberto Gil e o congolês LokuaKanza. Destaques para as faixas: Ninguém conhece ninguém (Martinho da Vila), Se Você Disser Adeus (Geraldo Azevedo) e Libertar (Mart’nália/ Arthur Maia / Zélia Duncan / Ronaldo Barcellos).

    Mart’nália faz show de graça no feriado da Consciência Negra no SESC Parque Dom Pedro II

    Dia 20 de novembro, segunda, das 18h às 19h30

    Palco. Livre. Grátis - Sem retirada de ingressos.

    Dia 20 de novembro, segunda, das 16h às 17h

    Galpão. Livre. Grátis - Sem retirada de ingressos.

    Sesc Pq. Dom Pedro II – Praça São Vito, s/nº, Brás. Tel.: (11) 3311-9651. Horário de funcionamento de quarta a domingo das 10 às 18 horas.


    Colunauniversodafama